A LUTA CONTINUA!


ONDE A SERIEDADE É FULEIRA... E A FULEIRAGEM É SÉRIA!

quarta-feira, 27 de maio de 2015

DE: REFLEXÃO

LÁGRIMAS DE UM PAI (*)

Um homem sofria pelo pior que poderia acontecer a um ser humano. Seu filho estava morto!
Desde sua morte, e por muitos anos, não conseguia dormir. Ele chorava até amanhecer.
Até que um dia um anjo em seu sonho lhe diz: 
- Pare de chorar.
- Eu não posso suportar ficar sem ver meu filho. - Respondeu o homem.
O anjo disse: 
- Você quer velo? 
O homem disse:
- Sim.
O anjo pegou-o pela mão e disse agora você vai velo.
Então o anjo da a ordem para um monte de crianças vestidas de branco como anjos e com uma vela acesa em suas mãos. 
O homem diz: 
- Quem são eles? 
E o anjo responde:
- São a crianças que morreram; eles fazem esse passeio todos os dias porque são puros.
- O meu filho está entre eles? - Perguntou o homem.
O anjo logo responde:
- Sim, está.
Enquanto isso passavam centenas e centenas de crianças. E eis que  vem o garoto, e o homem o vê radiante como se lembrava. Mas, de repente, ele nota uma coisa: dentre todos, o garoto é o único que têm a vela apagada.
O homem fica muito triste. O menino vê o pai e vem correndo e eles abraçam-se bem forte.
E o homem diz: 
- Filho, porque a tua vela não esta acesa como a dos outros?
Seu filho responde: 
- Pai, minha vela é acesa todos os dias, como a de todos, mas ..., sabe? Suas lágrimas caem todas as noites e ela é apagada.

(*) AUTOR DESCONHECIDO

Nenhum comentário: