A LUTA CONTINUA!


ONDE A SERIEDADE É FULEIRA... E A FULEIRAGEM É SÉRIA!

sexta-feira, 9 de outubro de 2015

DE: PIADA

A PRIMEIRA VEZ DE UMA GAROTA

Imagine-se no lugar de uma garota. É sua primeira vez. À medida que reclina, seus músculos se contraem. Tenta afastá-lo, enquanto pensa numa desculpa, mas ele insiste, aproximando-se cada vez mais. Pergunta-lhe se está com medo e você sacode a cabeça, negativamente. 
Tem muita experiência, seus dedos encontram o ponto certo e você estremece. Seu corpo fica tenso, mas ele faz tudo de maneira gentil, como lhe havia prometido. Olha no fundo dos seus olhos e lhe pede que confie nele. Já fez isso muitas vezes. O sorriso dele faz com que você relaxe e abra mais, de modo a facilitar as coisas. Você lhe  implora que seja rápido, mas ele vai devagar, cuidando para que sinta o mínimo de dor possível. À proporção que vai forçando, você sente os tecidos cedendo. A dor se alastra pelo seu corpo e sente um leve sangramento.
Observa você preocupado e pergunta-lhe se está doendo. Seus olhos estão rasos de lágrimas, mas você sacode a cabeça e sinaliza para que continue. Ele começa a fazer movimentos ritmados para dentro e para fora, mas  está entorpecida demais para senti-los. Após algum tempo, sente um rompimento dentro do seu corpo e ele tira. Está ofegante, aliviada por aquilo ter terminado. 

Ele olha para você com aquele sorriso caloroso e lhe diz que foi a mais difícil, mas, ainda assim, a mais recompensadora experiência que teve. Você sorri e agradece ao seu dentista. Afinal, foi a primeira vez que teve um dente arrancado.
- - - - -
Ei, seu pervertido! O que imaginou que estava acontecendo? Ainda bem que não tem malícia!

Nenhum comentário: