A LUTA CONTINUA!


ONDE A SERIEDADE É FULEIRA... E A FULEIRAGEM É SÉRIA!

terça-feira, 3 de novembro de 2015

POESIA POPULAR NORDESTINA

Quando o cara se aposenta
Que cai na realidade,
Muda a personalidade
Quando passa dos sessenta.
Como nada representa
Se julga misterioso,
Relembra que foi gostoso
E nunca foi rejeitado,
Falando do seu passado
Todo velho é mentiroso.

 Poeta Augusto Macedo

Nenhum comentário: